A Cinquentenária banda Gallotones sobe ao palco esta noite no Xima Bar, na capital, para um concerto de música ao vivo, num show que servirá para recordar os grandes êxitos da banda e de outras referências que marcaram a fundação da Marrabenta e da música ligeira moçambicana.

Depois de vários anos fora dos holofotes, a banda foi sendo regular no Festival da Marrabenta e nos habituais encontros de músicos e artistas que se deslocam à Associação dos Músicos Moçambicanos (AMM) para consumir música de raiz.

Ainda hoje, a banda Waka Mbira, um agrupamento que trabalha com instrumentos tradicionais – alguns dos quais são produtores por elementos desta banda – sobe palco da AMM para um concerto cujo objectivo é fazer a demonstração dos seus processos criativos e experimentar o som dos seus instrumentos.

O concerto do grupo Waka Mbira, constituído May Mbira, Ndzondza Tivane, Jojó e Careca, será composto por um reportório que ilustra os resultados das pesquisas dos ritmos do folclore moçambicano, sobretudo da região sul do país, de que são defensores da sua perpetuação e valorização nos centros urbanos.

Enquanto isso, a Fortaleza de Maputo acolhe, esta noite, vários músicos da nova geração que aposta em géneros musicais que agitam a juventude urbana. Para o espectáculo, denominado Jameson Connects, foram convidados os músicos Gran Mah Live, DRP Live, Laylizzy Live, Riky Rick, Major League e ainda os Djs Faya, Leo e Faguza,

No que diz respeito ao teatro, a Companhia Gungu tem em temporada a peça “Amor Aguenta”, que retrata, numa visão crítica, a forma como os empregados domésticos são tratados pelos seus patrões.

A peça quer chamar atenção a sociedade para a consciência de que quem exerce essa actividade laboral é tão ser humano e digno de respeito como os seus patrões.

Esta obra peça estará em exibição hoje, amanhã e domingo, no Cine Teatro Gilberto Mendes, em Maputo.

(JN)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here