O Presidente da República, Filipe Nyusi, lança esta sexta-feira, na província de Tete, Centro de Moçambique, o Programa de Produção e Distribuição de Carteiras Escolares.

A iniciativa, segundo um comunicado de imprensa da Presidência da República enviado hoje à AIM, prevê produzir 824.361 carteiras escolares, de modo a cobrir o défice nacional, até o fim do quinquénio.

‘O Programa, cuja implementação pertence ao Ministério da Terra, Ambiente e Desenvolvimento Rural e Ministério da Educação e Desenvolvimento Humano, surge como resultado da OPERAÇÃO TRONCO, uma campanha de fiscalização florestal madeireira, lançada a 01 de Março de 2017, cuja madeira apreendida está a ser usada para o fabrico de carteiras escolares, contribuindo para a melhoraria das condições de ensino e aprendizagem das crianças, em todo o país’, refere a nota.

Durante a cerimónia, que terá lugar na Escola Primária Completa Mateus Sansão Muthemba, na Cidade de Tete, o Chefe de Estado moçambicano fará a entrega de seis mil carteiras escolares, ‘acto que será replicado em simultâneo em todas províncias do País, em cerimónias dirigidas pelos Governadores Provinciais’.

Com esta acção o Governo espera, em 2018, iniciar o ano lectivo tirando um milhão de crianças do chão, através da produção de 140 mil carteiras escolares, com a madeira apreendida até a data.

(AIM)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here