Oito pessoas morreram e 119 casas ficaram destruídas, na semana passada, devido à chuva forte que fustiga as províncias de Cabo Delgado, Nampula, Zambézia e Sofala.

 A informação foi avançada, ontem, em Maputo, durante a reunião do Conselho Técnico de Gestão de Calamidades que visava analisar o nível de emergência face à presente época chuvosa.

O Porta-voz do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades, Paulo Tomás, disse que para intensificar as medidas de precaução e de resposta face às intempéries, foi decretado o alerta laranja institucional.
Segundo Paulo Tomás neste momento, decorre a reconstrução das casas, e apela para a retirada urgente das pessoas que vivem nas zonas baixas para locais considerados seguros.

( RM )

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here