A Administração Regional de Águas da Zambeze lançou um apelo para que habitantes dos distritos de Mutarara, Dôa, Zumbo e parte da cidade de Tete abandonem as zonas propensas a cheias e inundações.

Numa nota a que a AIM teve acesso, em Tete, a ARA – Zambeze vinca que embora os principais rios ainda não tenham atingido níveis de alerta, as populações devem se precaver para evitar mortes e destruição de bens.

A ARA – Zambeze sublinha a necessidade de as populações evitarem atravessar rios, e se abrigarem por baixo de árvores em plena chuva e ventos.

“De uma forma geral, os níveis hidrométricos da bacia do rio Zambeze registam oscilações com tendência a subir ligeiramente face à precipitação que se regista no pais e escoamentos provenientes dos países a montante”, refere a ARA-Zambeze.

A Zona Centro do país deverá registar queda de chuvas normais, com tendência para acima do normal, a partir de Janeiro próximo.

(AIM)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here